07 abril 2010

instantes adornados 1*

Há alturas em que estou sozinha, absorvida na minha almofada e nos meus lençóis.

A mente vagueia. Penso. Penso em tudo…na vida, no passado, no futuro,

“O que irei eu fazer com a minha vida?”

O quarto está silencioso, mas a minha mente permanece tão ruidosa e circundante, cheia de pensamentos, frases, memórias e sons.

É nestas alturas que penso em coisas que não me passariam pela cabeça.

O afogar dos pensamentos, no tumultuoso mar das dúvidas e das questões, a clandestinidade do silêncio, a melodia da ausência, num fechar de olhos vejo o esfumar de um agigantado novelo de hesitações.

“…era uma vez ninguém que já sabia que alguém queria ser.”

10 comentários:

marta filipa disse...

O teu post "Tokyo Bunnie" no keep inspiring me, recebeu um comentário.

http://baleiaverde.blogspot.com/2010/04/tokyo-bunnie.html

william h. macy disse...

obrigada pelas palavras. de coração.
(peixe: avião <3)

joanabranco disse...

é o que acontece quando acordamos com tendência para pensar demais no que não devemos.
gostei muito do teu blog :)

- Jezebel disse...

e vais?? :)

annie disse...

que giro :)
obrigada querida, foi uma ideia que me surgiu ^^

lothlorien disse...

Acabei de ouvir o álbum dessa música que tens aí ao lado ;)

Bom fim de semana*

lothlorien disse...

Gostei, é bom de ouvir, assim numa onde mais mellow :)

lothlorien disse...

*onda

- Jezebel disse...

eu vou (;

mar disse...

O teu post "FREE HUGS IN PORTUGAL!" no Keep inspiring me, recebeu um comentário.

http://baleiaverde.blogspot.com/2010/04/free-hugs-in-portugal.html